Pokemon-GO e a CIA


O texto abaixo foi recebido de um amigo, técnico forense. Acho que merece a leitura...

O texto que segue é decorrente de uma matéria na BUSINESS-INSIDER e me fez fazer alguma pesquisa no assunto, das quais chego às seguintes conclusões:

1° O (Pokemon Go) foi fundado por esse cidadão: John Hanke

2° Ele também fundou a empresa Keyhole, Inc.

3° Essa Keyhole é um projeto de mapeamento de superfícies, foi comprada pelo Google e usado pra fazer o Google Maps/Earth e Street view.

4° Essa Keyhole foi patrocinada pela empresa In-Q-tel, que foi fundada pela CIA em 1999 (só entrar no site deles e comprovar).

5° Até aqui já podemos ver que a CIA indiretamente poderia ter acesso a todos os mapas do planeta mas ainda não conseguiam entrar dentro das casas, correto?

6° Pra jogar você precisa dar permissão pro aplicativo usar a câmera, gps, microfone e até os dispositivos USB que estiverem conectados no seu smartphone.

8° Sempre que você aceita a permissão, o seu celular já acha 3 pokemons pertos de imediato (os 3 primeiros pokemons).

9° Quando você procura por pokemons dentro de casa, você permite o aplicativo ter uma foto da sala, incluindo as coordenadas e o ângulo do seu celular.

10° Você acabou de registrar as fotos de onde você mora por dentro e dar acesso ao aplicativo.

"Mas não é paranoia sua?" - perguntará meu atento leitor.

Veja bem, você leu os Termos de Aceitação pra usar o jogo? São esses:

- “Nós cooperamos com agências do governo e companhias privadas. Podemos revelar qualquer informação a seu respeito ou dos seus filhos…”

No parágrafo 6 vocês podem achar isso também:

- “Nosso programa não permite a opção “Do not track” (“Não me espie”) do seu navegador”.

Fontes: http://bit.ly/2aek3JD http://bit.ly/29A7iFu

Destaques
Posts Recentes
Arquivo
Busca por Tags
Siga-nos
  • LinkedIn Social Icon

Copyright © 2014-2017 Big Blue Serviços Ltda  - Todos os Direitos Reservados                                                                          Arte/Criação: OASYS